Entre Sonhos e Sorrisos...

Entre Sonhos e Sorrisos...
"Vou-me "vestindo" da vida enquanto ela se vai "despindo" de mim..."

sábado, 3 de abril de 2010

Sou feliz...


Sou feliz com o que tenho, mesmo não tendo o que um dia sonhei ter… sou feliz pelo que já tive, mesmo quando tive o que sonhava e afinal não era bem o que julgava ser, sou feliz quando lembro o que desejei mas não alcancei, quando relembro o que amei e fui amada, mas também quando lembro o quanto amei mas fui ignorada… lembro as felicidades que tive, que tenho e que talvez ainda tenha para viver… lembro o quanto já sofri, o quanto sofro e o tanto que se calhar ainda tenho para sofrer… quem sabe mais do que para ser feliz... no entanto com todos os prós e os contras que me estão destinados… apesar do tudo que tenho e não tenho, do nada que não chegou a ser meu e do nada que foi… apesar disso de uma coisa tenho certeza… SOU FELIZ.

Sou feliz pela vida que corre em mim, pelo ar que respiro, sou feliz porque estou aqui e enquanto aqui estiver posso dar todas as cabeçadas do mundo, que mesmo assim enquanto o sol nascer para mim, tenho sempre um novo dia para viver, uma nova oportunidade para me redimir, uma nova chance de ser o que sempre quis, ou quem sabe ser o que nunca sonhei… uma nova chance de dar, de estar, de amar… uma nova chance de viver… uma nova chance de SER.

Por tudo isso eu digo… SOU FELIZ… e todos devemos ser felizes, até mesmo quando choramos, quando sofremos… até mesmo quando morremos. Devemos ser felizes “na alegria e na tristeza, na saúde e na doença, na riqueza e na pobreza”, na vida e na morte… porque no intervalo de tudo isso todos nós tivemos a oportunidade de estar cá, de ser gente… Cada um fez/faz da sua vida aquilo que lhe convém, ou que lhe é permitido… mas no fim de tudo devemos sempre lembrar-nos que mesmo que não tenha corrido bem… a oportunidade foi-nos dada…

Fomos gente, neste universo tão imenso, do qual sabemos/ conhecemos tão pouco… e a dádiva da vida é isso mesmo, uma dádiva… as dádivas agradecem-se sempre… eu agradeço sendo feliz… SOU FELIZ de ser um SER.


por Isabel Reis
todos os direitos reservados

1 comentário:

Art'Anima Seixal-Associação Cultural disse...

Infeliz daquele que nunca teve à mesa a felicidade de sentir-se feliz! Feliz, sequer de uma única só vez na vida. Que tamanha a infelicidade a dele!

Eu sou feliz. Feliz por ter conhecido e aprendido a sê-lo!
Sou-o de corpo e alma.
Revejo-me nas tuas demonstrações de felicidade. Quiça, estamos no mesmo caminho.
A felicidade não tem tamanho, peso ou medida. A felicidade está continuamente á frente da nossa imagem!
Se me sinto feliz por ver o esvoaçar de uma Gaivota, tambem me sinto feliz quando te escrevo!

Sou feliz e agradeço a dádiva!

Joel